<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d5074168803001599897\x26blogName\x3dO+Querido+L%C3%ADder\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://oqueridolider.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://oqueridolider.blogspot.com/\x26vt\x3d-5899207068992849956', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script> <iframe src="http://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID=5074168803001599897&amp;blogName=O+Querido+L%C3%ADder&amp;publishMode=PUBLISH_MODE_BLOGSPOT&amp;navbarType=BLUE&amp;layoutType=CLASSIC&amp;homepageUrl=http%3A%2F%2Foqueridolider.blogspot.com%2F&amp;searchRoot=http%3A%2F%2Foqueridolider.blogspot.com%2Fsearch" height="30px" width="100%" marginwidth="0" marginheight="0" scrolling="no" id="navbar-iframe" frameborder="0"></iframe> <div id="space-for-ie"></div>

{galeria}

Viaduto da Prelada: A saga continua

Na inauguração, o Querido Líder afirmou, com o seu ar professoral e justiceiro, que aplicou ao empreiteiro faltoso pelos três meses de atraso um pesado castigo: três faltas de comparência(uma por cada mês), uma semana virado de costas para o quadro com orelhas de burro, três reguadas no rabinho e uma multa de 250.000 euros.

É justo. Agora quem vai aplicar ao Querido Líder castigo equivalente e proporcional aos oito anos de atraso (96 faltas de comparência, 416 semanas com orelhas de burro, 96 reguadas no rabinho e uma multa de 8 milhões de euros)?

Escrito por O Querido Líder » 8.4.09 » Palmas:

Dia Mundial da Saúde

Hoje é Dia Mundial da Saúde. Para assinalar a data, a Câmara Municipal do Porto vai efectuar rastreios gratuitos à população da cidade com o intuito de identificar doenças como 1) simpatia pelas ideias dos partidos de oposição ao PSD e ao CDS-PP, 2) adeptos do FC Porto e 3) críticos do senhor La Féria.

Os portuenses que tiverem resultados positivos nestes testes podem escolher entre o embalsamento ou a deportação para outra cidade do distrito, à semelhança do que já fazem os portuenses que querem comprar ou alugar casa.

O Querido Líder não descansa em prol do bem-estar dos seus súbditos.

Escrito por O Querido Líder » 7.4.09 » Palmas:

Vai formoso e seguro!

O nosso Querido Líder inaugurou o Viaduto da Cidade Cooperativa da Prelada. No momento da inauguração ressaltou, com o brilhantismo e rigor que lhe é habitual, que a obra, que serve 8.000 pessoas, foi feita ao ritmo possível e adequado.

Quinhentos metros em oito anos dá a alucinante média de 17 cm por dia! Para podermos ter a noção desta velocidade estonteante, recordemos que um caracol se move a 78 cm por minuto, ou seja, dizer que esta obra foi feita a passo de caracol era insultar o caracol!

Mas o nosso Querido Líder já tinha batido outro record de velocidade aquando do Circuito da Boavista, em que demorou 3 meses a desmontar 8 km do circuito.

A obra do Viaduto da Prelada, um avultado investimento quando comparado com os 5 milhões gastos nos arruamentos do Circuito da Boavista, custou à Câmara do Porto 1 milhão de euros. Para ser realizada, o nosso Querido Líder teve de passar oito anos a colocar todos os dias no porquinho nº1 (o dos investimentos prioritários) 343 euros.

Os 8.000 portuenses residentes na Cooperativa da Prelada contribuíram, em média, com 4.000 horas/dia despendidas a mais no trânsito num total de 11.680.000 horas. Ou seja, cada um deu um total de 1460 horas do seu tempo ou seja dedicou 61 dias inteiros ao nosso Querido Líder.

Como era de esperar, passados oito anos de espera, uma multidão de 20 assessores aplaudiram de pé esta inauguração!

Escrito por O Querido Líder » 6.4.09 » Palmas:

À luta, cidadãos!

Este blog não tem tido muitas actualizações aí no último ano e meio, mas ainda assim conseguiu ser mais activo do que a maioria dos pelouros da Câmara Municipal do Porto. Sucede que agora estamos em ano de eleições e, naturalmente, há uma cidade para continuar a manter paralisada.

Vamos por isso à luta e reactivamos o blog para apoiar o nosso Querido Líder na sua disputa contra todas as pessoas que querem discutir ideias e outras minudências para o Porto.

À luta, cidadãos!

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

Prémio Nobel da Química

A Câmara Municipal do Porto manifesta a sua surpresa pelo Prémio Nobel da Paz deste ano não ter sido atribuído a Rui Rio, ao contrário do que lhe tinha sido prometido numa reunião da concelhia do PSD, mas prosseguirá os seus esforços em prol do reconhecimento internacional. A próxima tentativa será o Prémio Nobel da Química, porque não dá dúvida de que o nosso Querido Líder descobriu a fórmula da alquimia com a equipa que o acompanha na Câmara: todos falam dela, mas nunca ninguém os viu.

Escrito por O Querido Líder » 15.10.07 » Palmas:

É uma vergonha

Rui 'Querido Líder' Rio criticou a ineficácia da justiça. É uma vergonha, realmente. Só num país terceiro-mundista é que alguém pode recorrer a tribunais independentes quando se sente lesado. Citando o nosso Querido Líder, isso são coisas que "só servem para criar obstáculos a quem quer construir alguma coisa". É isso e a democracia, como já dizia o saudoso professor de Santa Comba Dão.

Escrito por O Querido Líder » 23.9.07 » Palmas:

Mais uma grande corrida no Porto!

Depois das corridas de automóveis, das corridas com aviões e de ter corrido com a cultura, Rui 'Querido Líder' Rio anunciará em breve mais uma genial iniciativa para levar a cidade do Porto a competir com os melhores barracões desportivos do mundo.

Desta vez, teremos uma corrida com os arrumadores de carros da cidade e o objectivo (para além das óbvias preocupações sociais) será fazê-los saltar em pé coxinho pelos corredores da Câmara nos dias em que há reuniões com os vereadores da oposição.

Os arrumadores tuberculosos com tosse compulsiva farão gincanas pelos gabinetes do PS, PCP e BE. Há prémios para todos: os políticos da oposição que conseguirem manter-se mais tempo dentro do edifício da CMP ganharão uma viagem grátis ao Hospital Joaquim Urbano, enquanto os arrumadores (para além da contribuição cívica) ganharão o direito a não serem perseguidos pela Polícia Municipal dentro da Câmara. Só vantagens.

Escrito por O Querido Líder » 29.8.07 » Palmas:

Drogados-sinaleiros

O nosso Rui 'Querido Líder' Rio criticou recentemente o governo por cortar fundos para o Porto (In)Feliz. Não achamos bem. Em primeiro lugar, um Querido Líder não precisa de argumentos para criticar as outras cores políticas. O governo pode ser criticado pela alta pluviosidade no Verão, por exemplo, mas fazê-lo por questões políticas é no mínimo mesquinho.

Em segundo lugar, há o miolo da crítica propriamente dito. Os drogados-sinaleiros não interessam a ninguém, que raios. Ninguém vê isso? É que o nosso Querido Líder, já a pensar nas suas acções enquanto futuro-Querido-Líder-do-PSD, já está a fazer mossa ao governo. E da grossa: o Porto (In)Feliz era apenas uma fachada inteligente para rebentar com as contas do défice público. Eram 8 milhões de euros por ano para "recuperar" meia dúzia de drogados-sinaleiros e para deixar os outros todos na rua.

E assim matavam-se dois coelhos com uma metadona só: a culpa dos drogados-sinaleiros que continuaram nas ruas não é da ineficácia do programa (o Aquecimento Global é mais suspeito) e entrementes conseguia-se minar a contabilidade do Ministério das Finanças. No limite, abriam-se uns aforros e criava-se uma OTA na margem norte da Ponte da Arrábida. Mas não, alguém decidiu acabar com tudo. Assim não há visão política para o país que resista, ah pois não.

Escrito por O Querido Líder » 14.8.07 » Palmas:

Banhocas

O Querido Líder tem estado a banhos e a fazer máscaras de algas para desinfectar os poros da oposição, mas em breve o nosso Rui 'Querido Líder' Rio voltará e com ele o seu espelho e com ele nós. Falta só um bocadinho assim.

Escrito por O Querido Líder » 12.8.07 » Palmas:

Escondidos?

Aqui, um subversivo qualquer diz que Rui Rio tem "interesses imobiliários escondidos". Mas quais interesses escondidos, homem? O Querido Líder tem-nos, mas às claras.

Escrito por O Querido Líder » 12.7.07 » Palmas:

É Natal

Ficamos a saber recentemente que a maior árvore de Natal da Europa, quiçá do átrio da CMP, vai estar no Porto este ano. Nós aplaudimos muito e sugerimos que a tradicional estrela no topo deste pinheiro XXL seja substituída por um molde em plasticina com a cara do nosso Rui 'Querido Líder' Rio. Ou isso um ecrã com ligação directa ao site da CMP.

Escrito por O Querido Líder » 7.7.07 » Palmas:

"É mais fácil de embrulhar politicamente"

Passou despercebidozinho, mas um dos ultras que exultam por aqui com o nosso Rui 'Querido Líder' Rio descobriu quem é o Manel. Diga lá para onde enviamos a prometida BIC laranja. Bom, sobre o Manel, aqui fica a transcrição no Correio da Manhã. É mais um dos ilustres compagnons de route do nosso Querido Líder, todos juntos a moralizar a autarquia e o ar que respiramos:

"'DIZ-ME O QUE PREFERES'

“Diz-me o que é que preferes, não é preferível transferir o estádio e ficar mais terreno?”, perguntava Manuel Teixeira, chefe de gabinete de Rui Rio, a João Loureiro. “É mais fácil de embrulhar politicamente, no fundo vamos dizer que o Boavista faz um estádio”, explicava ainda o político, garantindo que com essa “troca” o Boavista ganharia terreno que depois poderia comercializar.

“Se me garantires 40 mil metros quadrados o negócio está feito”, respondeu o presidente dos axadrezados durante uma conversa ainda em investigação pela PJ, pedindo depois ao pai uma ajuda suplementar: “Quando estiver com o Rui Rio eles têm de esticar aquilo para cima."

Escrito por O Querido Líder » 3.7.07 » Palmas:

É a vigilância

Felizmente o nosso sistema de vigilância nos blogues começa a funcionar bem (a dar a sua fruta, enfim) e já temos a primeira denúncia:

"Um grupo de perigosos subversivos, entre os quais uma facção de arruaceiros, auto-denominada F.R.I.C.S., ocupou durante parte da noite de S. João, no Porto, a Praça D. João I, junto ao Rivoli e, a coberto da normal agitação sanjoanina, tentaram, por todos os meios ao seu alcance, dos quais se destaca um conjunto de gaitas, cornetas e tambores muito pouco católicos, influenciar as mentes dos festivos transeuntes, distribuindo inclusivamente panfletos de teor muito duvidoso."
E parece que há um vídeo e tudo.

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

É cultura, fregueses, da boa

Mais um inegável marco cultural na cidade. A PortoLazer está a promover o parque da fruta na Avenida dos Aliados.

Escrito por O Querido Líder » 28.6.07 » Palmas:

O VHS está pronto, chefe!

A canzoada que anda no Ministério Público a subverter as ordens do Querido Líder no Porto decidiu considerar ilegal a concessão do Rivoli a Filipe La Féria, um senhor, um autêntico pedagogo que consegue amiúde pôr o jet set nacional dentro de um teatro. Mas a CMP já reagiu e diz que «vai responder nos próximos 10 dias». É assim mesmo.

Aqui no blogue gostaríamos de dizer que desde já nos disponibilizamos para perseguir juízes e advogados com uma câmara de vídeo e vamos filmá-los em actos comprometedores -- por exemplo, a lerem o JN -- e colocaremos tudo tudo tudo no Youtube com um nickname que não permita associações directas a Rui Rio ('Rei Sol' servirá?).

Por fim, não podemos deixar de denunciar novamente toda a agressividade mediática do JN contra o Querido Líder, numa estratégia orquestrada por David Pontes que só é comparável ao Choque e Pavor dos americanos no Iraque. Senão basta ver quem assina a notícia que dá cobertura às malfeitorias do Ministério Público. Não sabem? É uma jornalista que se chama Sofia Luz. Ah, e o que têm as pontes à noite? Luz, pois claro! Mais cinco minutinhos e conseguiremos reunir provas de uma campanha da maçonaria para derrubar o Querido Líder.

Escrito por O Querido Líder » 27.6.07 » Palmas:

Ontem, depois do Prós e Contras

À varanda do Palácio da Bolsa.

Rui Rio e seu amigo
[Versão maior aqui]

(enviado por Vicente Gil)

Escrito por O Querido Líder » 26.6.07 » Palmas:

Provedores? Vereadores? Quem precisa disso?

Um passagem da acta de uma reunião na CMP realizada em Setembro do ano passado:

"(...) O Senhor Vereador Rui Sá disse que o provedor do munícipe seria alguém com competência para analisar situações de relacionamento dos munícipes com os diversos Serviços do Município. Propôs que a intervenção do provedor do munícipe abrangessenão apenas os Serviços da Câmara, mas também os principais instrumentos da Câmara, como é o caso da Empresa PortoLazer.

Disse que, uma vez que os Vereadores não têm a capacidade de investigar um determinado Serviço camarário, considera importante existir uma entidade independente com capacidade para avaliar as situações apresentadas pelos munícipes.

O Senhor Vice-Presidente Álvaro Castello-Branco disse discordar, inteiramente, da proposta. Considera que os verdadeiros provedores do munícipe são os vereadores. Referiu-se às funções de um provedor. Na sua opinião, será muito difícil encontrar o consenso de dois terços na Assembleia Municipal, em relação à figura do provedor.

O Senhor Vereador Lino Ferreira disse que o provedor, por definição conceptual, deve ser o Presidente da Câmara.
(...)"

Escrito por O Querido Líder » 25.6.07 » Palmas:

"Eu é que sou o líder, ouviram? Querem que repita? Eu posso repetir, a sério. Oh, digam lá"

O nosso Querido Líder é tão bom tão bom tão bom mas tão bom que a partir de agora vamos chamá-lo de professor doutor às segundas, quartas e sextas, uma vez por ano. É que não conseguimos conter a felicidade quando vemos que Rui Rio teve de facto um passado estóico e intrépido no combate a todos os interesses instalados (desde a luta de guerrilha no 7.º esquerdo-traseiras de um prédio no Bessa).

O seu passado heróico estava bem patente na biografia que o próprio site da câmara (ou no blogue do Querido Líder, são sinónimos) disponibilizava uns míseros meses depois de ter sido derrubada a ditadura repressiva que vigorava no Porto até 2001. Não se percebe porque saiu do ar. Alguns excertos memoráveis:
"«Pelo Porto, sempre». Foi com este slogan que Rui Rio venceu, a 16 de Dezembro de 2001, as eleições autárquicas no concelho portuense. E se a devoção à capital nortenha que a frase exprime era perfeitamente anódina num contexto de campanha eleitoral, já o “sempre” mostrava a força das convicções do candidato
social-democrata.


Rui Fernando da Silva Rio, nascido a 6 de Agosto de 1957, é assim: segue desabrido a correnteza das suas convicções e só desagua no tépido mar das vitórias, mesmo que pelo caminho precise de superar difíceis obstáculos.

Talvez esta firmeza e verticalidade tenham, em parte, sido forjadas no exigente Colégio Alemão do Porto, onde concluiu os ensinos primário e secundário. Aliás, a postura do «antes quebrar que torcer», bem ao jeito de Sá Carneiro ou Cavaco Silva, influências políticas que não renega, começou a plasmar a sua intervenção pública desde muito cedo. (...)

E se essa intrepidez juvenil motivou o reconhecimento e a consideração dos seus colegas, que anteviam nele um líder, também é verdade que tanto sangue na guelra acabou por lhe valer algumas inimizades – algo que se repetiria, de resto, ao longo do seu percurso político.

Quando era presidente da associação de estudantes da sua faculdade, no início dos anos 80, Rui Rio levantou a voz contra as excessivas taxas de reprovação em algumas disciplinas, tendo entrado em ruptura com o status quo académico. E, a partir de então, lutar contra os interesses instalados, contra as «verdades» insofismáveis, contra as figuras intocáveis, parece ser o seu fado.

A determinação e tenacidade com que defendia as suas ideias começou a ser notada na JSD, onde Rui Rio foi ganhando cada dia maior protagonismo. Para tanto contribuíram também a sua verve e o seu "felling" político, que estiveram em particular evidência num célebre congresso partidário de 1982, onde lhe auguraram uma fulgurante carreira política.

Mas Rio não se deixou deslumbrar pelos encómios e, uma vez concluído o curso, passou a exercer a sua profissão de economista (...)

No parlamento, Rui Rio manteve incólumes os seus traços idiossincráticos. Porfiou sempre na defesa das suas convicções e ideais, nunca cedendo perante os interesses instalados – mesmo que estes tivessem eco no seio do seu partido. (...)

Como era fácil de prever, esta questão caiu mal no aparelho “laranja” e Rio teve novamente de se debater com a hostilidade dos interesses instalados. Apesar dos anticorpos que criou junto do aparelho, nomeadamente no seio da Distrital portuense, Rui Rio seria escolhido por Durão Barroso para candidato à presidência da Câmara Municipal do Porto. E, contra todas as expectativas e sondagens, acabaria por ser eleito com 42,8% dos votos, contra 38,5% do Partido Socialista, a segunda força mais votada. Foi uma vitória quase solitária e, uma vez mais, contra o "status quo"."

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

Aqui não há opiniões

Ó Francisco, deve existir algum mal-entendido. Tudo isto estava correcto se o nosso Rui 'Querido Líder' Rio tivesse opiniões, o que não é o caso. Como todos sabemos, ali só há doutrinas.

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

Alterem lá isso, sim?

Chegou-nos ao rés-do-chão um vídeo feito com imagens da estreia de Filipe La Féria no Rivoli, um espectáculo cujo alcance cultural muitos já compararam às concentrações de camiões em Lousada. Nós gostamos deste vídeo, mas achamos que a música não está bem. Com a marcha nupcial, não se arranja nada?

Escrito por O Querido Líder » 24.6.07 » Palmas:

É isso, não é?

Vocês não estão convidados, mas podem ficar a saber que no dia 1 de Julho a Comissão Europeia vai organizar um jantar em honra de Rui Rio. Entre outras coisas memoráveis, uma comitiva de galegos vai estar no Porto para agradecer ao nosso Querido Líder o facto da nossa da sua cidade ter deixado de ser competitiva nos últimos anos e não mais constituir um obstáculo ao desenvolvimento de outros centros de interesse na região.

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

Foguetes

Ontem pensei que o Querido Líder fazia anos. Houve 20 minutos de fogo-de-artifício, mas afinal era só por causa do S. João.

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

Uma equipa de sucesso - Ricardo Almeida

O nosso Rui 'Querido Líder' Rio não poderia ser quem se é não se rodeasse de si próprio e, vá, de mais meia dúzia de terráqueos. Não queremos por isso deixar de lhes fazer referência, porque todos os dias ajudam a fazer de conta que existe de facto uma Câmara Municipal no Porto e esse é um trabalho louvável.

Começamos esta série por Ricardo Almeida. O antigo «deputado voador» do PSD, como é conhecido nos meios policiais, tem 32 anos e foi eleito pelo círculo do Porto. Antes de sair da Assembleia da República para a CMP, a ânsia de cumprir as obrigações parlamentares era de tal ordem que foi apanhado pelos radares das Brigadas de Trânsito de Aveiro, Guarda, Leiria e Lisboa. No seu CV constam transgressões com pelo menos quatro carros distintos e mais de 18 multas perdoadas pelo seu trabalho excepcional ao serviço do país. Aliás, como o próprio já justificou na devida altura:
"Reconheço que às vezes ultrapasso os limites de velocidade, mas isso é porque sou um deputado que cumpre horários. Não sou como outros que não chegam a horas às reuniões"
Aqui está um homem sujeito a sacrifícios pela pátria, um verdadeiro Salgueiro Maia turdodiesel. De resto, lamentamos. Do CV profissional ou académico de Ricardo Almeida não consta mais nada de particularmente interessante. Para esta série importa só referir que foi nomeado sem concurso pelo Querido Líder para a direcção da Porto Lazer. Na altura, a justificação avançada foi óbvia: desempenharia funções na área da animação da cidade, pois [sic] «tem o know-how necessário nesta matéria». E isso é inquestionável, sobretudo ali após as portagens de Santa Maria da Feira. Ah, e foi também dirigente da JSD, mas isso é certamente um acaso.

Assim, uma vez mais se demonstra a espantosa e superlativa visão política do nosso Rui 'Querido Líder' Rio ao despedir técnicos na Culturporto e a contratar pessoas como Ricardo Almeida para a direcção das empresas municipais. Não são guedelhudos, o que é uma vantagem, e na área cultural podem (um exemplo entre vários) dar um forte contributo à aplicação do Plano Nacional de Leitura nesta cidade, começando desde logo por aprenderem a ler. Parabéns, Querido Líder. Continuaremos a analisar esta equipa de sucesso de que todos necessitamos tanto tanto.

Escrito por O Querido Líder » 22.6.07 » Palmas:

Comemoração com edição limitada

Como podem ver, já em adolescente se lhe podia adivinhar a ascensão para a grandeza. Toda a postura e altivez, ainda hoje características do nosso Querido Líder, se manifestavam como em poucos seres humanos naquele homúnculo em maturação. Esta foto retrata um dos feitos mais impressionantes da adolescência do Querido Líder e que ficou imortalizado como "o grande inchaço".

O grande inchaço

Esta história, bem como outras lendárias, relatou-as um verdadeiro Sancho Pança do muy Nobre Cavaleiro que já na altura militantemente circundava o Querido Líder. É ele que está ali ao lado, sentado e eremita, a escrever as memórias de Rui Rio sob o adequado título "Eu, que vos comando, vós que obedeceis."

Para celebrar os 30 anos d'O grande Inchaço, o Querido Líder vai lançar uma edição limitada de Santinhos de bolso com esta imagem e uma reza especial em forma de verso de S. João, presença imprescindível na carteira de todos nós, seus seguidores. Aceitamos encomendas, em múltiplos de 10, para o mail do blogue.

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

Grandes citações d´O Querido Líder - 1

"Quando ouço falar em cultura, puxo logo da calculadora."

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

Duh!

O PCP acusa a Câmara do Porto de só retirar propaganda incómoda das ruas. Não deixa de ter razão, mas não percebemos a dúvida: se não fosse proganda dos opositores, para quê retirá-la? É que ao contrário do que se diz, o nosso Rui 'Querido Líder' Rio não é intolerante. Só à lactose e a pelo menos três partidos da oposição, pronto.

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

Acima da artéria coronária direita, pois claro

Caro CAA, shame on you. Isto nem se pergunta. Rui Rio está vivo nos nossos corações e isso já nos preenche a todos.

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

Em barda

Muito agradecidos às várias pessoas (presumimos) que já linkaram este blogue. Os que ainda não linkaram certamente farão isso e uma estátua. Por isso, depois mandem todos as vossas moradas para o e-mail aqui do sítio que enviaremos de volta uma fotografia autografada do nosso Rui 'Querido Líder' Rio. Se não chegarem para todos, então enviaremos a resposta automática que está no site da CMP para as mensagens dos munícipes. Obrigadinhos.

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

O Manel

É com orgulho que publicamos o primeiro e-mail que nos chegou aqui ao burgo. Uma BIC laranja para quem adivinhar quem é o Manuel.

"Ó pá, vocês não conhecem o querido líder, ele é um gajo bestial. A primeira vez que o vi andava eu a pé atrás duma garota de Viana do Castelo. Cantei-lhe uma musiquinha do bandido e ela foi comigo para uma daquelas matas tão verdinhas lá para os lados de,já nem sei bem adonde.
Bom, passaram uns gajos de BTT, todos a falar de carros de corridas e cenas no género. Reparei num deles por ser mais nervoso que os outros todos.
Escondi-me com a garota atrás dumas silvas, e como a moça me deliciava com outras sevícias, libertei os meus ouvidos para a conversa que eles tinham uns metros abaixo na escarpa. Falava um gajo de barba quase ruiva para um de cabelo puxado para trás, assim como os mais azeiteiros dos anos setenta, sobressaia-lhe um beque predominante:
- Ó pá! tu é que davas um bom Presidente de Câmara – de Matosinhos ou do Porto, para aí para os teus lados.
- Eu?? Ó pá isso é o Gomes, eu até sou amigo dele…., Bom mas se eu fosse levava-te para director, eheheheh (riso cínico).
- Olha tou bem farto desta Câmara daqui, e este Cancela, bolas que panaca…..
- E ganhando sempre arranjava qualquer coisa para o Cardoso, é que a conta das minhas consultas já tá numa conta calada….
- Qual Cardoso, o grande?
- Não o que me trata os nervos. Eheheheh (riso cínico)
- ahhhh! O psiquiatra…
- Mas olha, na volta concorrer ao Porto era porreiro, não ganhava de certeza e pelo menos dava para quilhar o Menezes…
- Tas a ver, só tenho boas ideias, na volta ganhas. Mas se ganhares ao menos organiza umas corridas que sempre traz mais gente que essa merda da Capital da cultura.
- Ó pá se isso acontecesse, eu ganhar, até caía o Governo, ehehehehe (riso cínico). Mas prometo-te as corridas ehehehehe (riso cínico)

E assim se foram. Não passaram duas semanas e vi eu na televisão um gajo que achava que nunca ter visto antes a fazer umas declarações a atacar o Gomes e tal.
Alembrou-se-me o “beque”, aquele narigudo fez-me lembrar a loirinha da mata, pensei eu! E juntei um mais um – olha, não é que é mesmo.

Entretanto, nunca mais fiz caso da coisa, até que um dia deu-me para voltar a estudar. Ora bem, aquela licenciatura que fiz de estudos de relações públicas lá para as bandas da Batalha abriu-me o apetite. Alguém me falou que em Espanha havia uns bacanos que davam uns doutoramentos porreiros, assim mais ou menos como o do Manuel Monteiro em França e o que o Durão Barroso queria fazer na América. Vai daí um amigo meu conhecia um vizinho, de nome Manel, que tinha feito um assim.
Olha fiquei amigo do manel e começamos a beber uns copos juntos. Ó pá o Manel é mesmo amigo do gajo do beque. Dizem até que é ele que escreve tudo no sítio. Nunca percebi bem isso do sítio, mas eles costumam dizer aquilo em Inglês e eu não sou o Zézé Camarinha, portanto borrifo-me.
Mas outro dia é que eu fiquei com a certeza de que os gajos são amigos. Eram 3 da manhã e estávamos nós na bezaina e liga-lhe o gajo. Ficou logo em sentido.
- Tou pá, tas-me a ligar a umas horas… dizia o manel…., ahh a tua mulher soube no Expresso que iam fazer uma “manif”, pois…, ó pá eu quilhava os gajos com um arraial de porrada da bófia!.... não podes? atão como fizeste aos arrumadores…. A municipal não é a PSP?,… pois não! Então? Não se faz nada?..... pois, quem deve dar propaganda a isso deve ser os actores,…., conhecem os jornalistas? Quais jornalistas? Eu é que sou jornalista…. PHD! Ahhh, falas desse, do noticias, esse, ….. ganda f***** da P******! Mas tens a certeza? Não! Não interessa se está metido, é como se estivesse, arruma-se esse gajo…..
Olha já viste aquele carros de GT na Internet que te disse?... no youtube? Não sabes o que é o YOUTUBE?......OLHA TIVE UMA IDEIA!.... JÁ TE LIGO.

Virou-se o Manel para mim e disse:
- Tu não tens aquela tua amiga com uma câmara video? Daquelas da Sony que faz aqueles filmes à Taveira que tu me envias por mail?

Disse-lhe que sim. Que é aquela tola que conheci em Lisboa quando fui ver a “Amália” do Lá Féria. Oh pá! Não é que o gajo do beque precisava mesmo de uma coisa dessas e paga bem. Primeiro foi uma cena na Praça D.João I e já me contratou para o que der e vier se acontecer o mesmo nas corridas."

Ass. Amigo do querido líder

Escrito por O Querido Líder » » Palmas:

"O presidente da jun... da fregues... daqui"

É mesmo assim. Uma pessoa dá-lhes a mão, como por exemplo a felicidade metafísica de terem o nosso Rui 'Querido Líder' Rio a liderar as suas vidas, e depois querem logo o braço. É uma virose. Esta senhora, por exemplo, exige coisas absurdas como a substituição de bacios por quartos de banho. É que não se entende. Minha senhora, está nos estatutos da Porto Lazer: um bacio é muito mais etnográfico para os pobres se lavarem.



Mas face às suas queixas, gostaríamos de deixar duas notas. A primeira é que o seu vídeo não devia estar no Youtube, porque o Google ainda não assinou com a Câmara aquele protocolo que impede as outras pessoas e instituições de expressarem livremente as suas opiniões, assim com evidente má-fé. A segunda nota é para nos deixar a sua morada para a despejarm... err... para lhe enviarmos um pacote de WC pato floral completamente grátis.

Escrito por O Querido Líder » 21.6.07 » Palmas: